10 Autores Russos que Você Deve Ler

10 Autores Russos que Você Deve Ler

A Rússia produziu algumas dos maiores escritores da história. A Era de Ouro da poesia russa começou com Alexander Pushkin, conhecido como "Shakespeare Russo" e fundador da linguagem literária russa. Após a era dourada, vários gêneros se tornaram populares na Rússia, desde poesia, romances e contos de ficção até realismo e simbolismo literário. O trabalho de autores russos varia de romance, sátira, religião e política. Muitos escreveram autobiografias sobre suas vidas interessantes, enquanto outros escreveram sobre as situações políticas da União Soviética e seu papel nas guerras. Suas obras tem sido publicadas e traduzidas em todo o mundo e atrai muitos leitores.

Confira abaixo uma lista dos dez maiores autores russos de todos os tempos:

Alexander Pushkin (Alexandre Pushkin)

Alexander Pushkin
Pushkin foi o fundador da poesia literária durante a Era de Ouro da poesia na Rússia. Ele introduziu o gênero de poesia romântica e novelas. Seu primeiro poema foi publicado quando ele era adolescente e logo ficou famoso em toda a Rússia. Sua principal obra foi seu romance Eugene Ongene. Sendo um herói romântico, ele morreu heroicamente ao sucumbir aos ferimentos em uma briga com Georges-Charles, que tentou seduzir sua esposa.

Leo Tolstoy (Liev Tolstói)

Leo Tolstoy
O conde Lev Nikolayevich Tolstoy, mais conhecido como Leo Tolstoy, foi um dos escritores mais fenomenais da história. Ele era um romancista russo e escritor de contos, mas mais tarde na vida também escreveu algumas peças e ensaios. Suas principais obras são Guerra e Paz e Anna KareninaRessurreição, e A Morte de Ivan Ilitch. Ele se tornou popularmente conhecido por sua trilogia semi-autobiográfica, Infância, Adolescência e Juventude e por suas Crônicas de Sebastopol, com base em suas experiências na Guerra da Crimeia.

Mikhail Bulgakov (Mikhail Bulgákov)

Mikhail Bulgakov
Bulgakov foi escritor, médico e dramaturgo ativo durante o início do século XX. Ele foi considerado como um dos escritores mais controversos de seu tempo e ficou famoso por suas sátiras à sociedade na União Soviética. Embora ele tenha estudado para ser médico, sua inclinação para a literatura o atraiu para ser um romancista. Seu trabalho mais significativo é o romance O Mestre e Margarida.

Anton Chekhov (Anton Tchekhov)

Anton Chekhov
Ele é reconhecido como o maior escritor de ficção curta da história. Ele era médico, mas depois se interessou por literatura e começou a escrever a sério. Ele seguiu sua carreira na medicina, e continuou escrevendo livros. Ele disse uma vez: "A medicina é minha esposa legal e a literatura minha amante; quando me canso de uma, passo a noite com a outra". Seus trabalhos mais influentes foram A Gaivota e O Jardim das Cerejeiras seguido de Tio Vânia.

Ivan Bunin

Ivan Bunin
Ivan Bunin foi o primeiro autor russo a receber o Prêmio Nobel de literatura. Ele foi conhecido pela arte, realismo, poesia e tradições clássicas. O jovem escritor passou dificuldades na infância devido ao fato do chefe da família ser um viciado em jogos e, portanto, não pôde receber melhor educação. No entanto, isso não o derrubou e ele foi capaz de abrir seu próprio caminho para o topo. Suas obras mais aclamadas incluem The Village e Dry Calley, sua autobiografia The life of Arseniev e os contos de Dark Avenues.



Vladimir Nabokov

Vladimir Nabokov
Ele foi um romancista e entomologista russo-americano. Seus primeiros romances foram em russo, mas quando tornou mais proeminente, começou a escrever romances em inglês, que são muito populares em todo o mundo. Seu controverso romance Lolita foi escrito em russo e inglês e alcançou o status de clássico. Ele também foi finalista do prêmio nacional do livro de ficção sete vezes.

Nikolai Gogol

Nikolai Gogol
Nikolai Gogol foi um dramaturgo, romancista e escritor de contos bastante influenciado pela cultura ucraniana. Sua obra-prima incluía sensibilidade romântica, com traços de surrealismo e o grotesco. Ele também é conhecido por seu retrato de personagens da vida real. O romance Tarás Bulba (1835) e a peça Casamento (1842), juntamente com os contos Diário de um Louco, O conto de como Ivan Ivanovich brigou com Ivan Nikiforovich, O Retrato e A Carruagem são alguns de seus trabalhos mais significativos e populares.

Alexander Solzhenitsyn (Alexander Soljenítsin)

Alexander Solzhenitsyn
Alexander Solzhenitsyn foi romancista, escritor e dramaturgo russo. Ele usou seu trabalho para expor o Gulag, a agência governamental da União Soviética que administrava campos de trabalhos forçados. Suas contribuições mais famosas incluem Arquipélago Gulag, Um Dia na Vida de Ivan Denisovich e Pavilhão de Cancerosos.

Fyodor Dostoyevsky (Fiódor Dostoiévski)

Fyodor Dostoyevsky
Fiódor Dostoiévski foi romancista, escritor de contos, ensaísta, jornalista e filósofo. Suas obras exploram a psicologia humana, que é o estudo do comportamento e da mente, abrangendo todos os aspectos da experiência consciente e inconsciente, além do pensamento. Mesmo tendo se formado como engenheiro militar, renunciou e se juntou a um grupo socialista. Mais tarde foi capturado pela polícia e enviado à Sibéria. Devido a esses incidentes que mudaram sua vida, ele se tornou escritor e escreveu sobre suas experiências na prisão. Ele acabou se tornando um dos escritores russos mais lidos e conceituados do mundo. Seus livros foram traduzidos para mais de 170 idiomas. Suas principais obras são O Idiota, Crime e Castigo, Os Irmãos Karamazov, Os Demônios e O Jogador.

Ivan Turgenev (Ivan Turguêniev)

Ivan Turgenev
Foi um romancista e escritor de contos. Turgenev foi rejeitado por muitos editores em seu trabalho Pais e Filhos, que hoje é considerado um clássico. Seu principal livro foi Memórias De Um Caçador, uma coleção de contos que visava as crueldades da sociedade.


Recomendações:

Postar um comentário

0 Comentários